ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Em jogo pouco movimentado, Vitória e América-MG empatam sem gols

Por: Marcelo Noia

Buscando fugir do Z4, Vitória e América fizeram um jogo bastante físico, mas com pouca inspiração (Foto: Estevão Germano/ América)

No Barradão, Vitória e América-MG ficaram no 0x0. Com pouca criação dos dois lados, as equipes não tiveram um grande desempenho e protagonizaram uma partida com pouquíssimas emoções. Com o resultado, o Leão chegou a 14ª posição, com 18 pontos, enquanto o Coelho saiu da zona e possui o mesmo número de pontos do Rubro-Negro, perdendo apenas nos critérios de desempate.

Para o duelo contra o Coelho, Carlos Amadeu optou por iniciar a partida sem Caicedo e afirmou que gostaria de ter mais controle do jogo. Contudo, o que se viu no primeiro tempo foi uma grande sequência de erros. Enquanto os mandantes adotaram uma postura mais recuada e buscavam os contra-ataques, o clube mineiro tentou propor o jogo, mas não foi esbarrava nos erros de passe.

Com pouca criação no início do confronto, a única boa oportunidade do Rubro-Negro, na primeira etapa, surgiu com Felipe Gedoz, aos 21 minutos. O camisa 10 recebeu passe na esquerda, cortou para a linha de fundo e bateu cruzado, obrigando o goleiro Jori a mandar a bola para escanteio.

Do outro lado, Júnior Viçosa desperdiçou uma das raras oportunidades para os visitantes. Aos 28', recebeu passe na área e finalizou para fora. Posteriormente, aos 37', Felipe Azevedo invadiu a área, cortou para o meio e chutou de canhota, mas parou em uma defesa tranquila de Martín Rodríguez.

Além do baixo número de chances criadas, Vitória e América erraram diversos passes ao longo dos 90 minutos (Foto: Estevão Germano/ América)

Sem grandes movimentações no restante dos 45 minutos iniciais, Rodrigo Raposo encerrou um primeiro tempo bastante monótono. No retorno do intervalo, o América começou melhor e logo aos cinco minutos, acertou o travessão. Mateusinho fez boa tabela pela esquerda e recebeu na linha de fundo. Na sequência, o camisa 10 tocou para trás e Geovane chutou cruzado. Martín Rodríguez raspou na bola e antes de sair, ela explodiu no travessão. Entretanto, assim como no primeiro tempo, foram raras as boas oportunidades.

Já aos 22 minutos, Zé Ricardo cometeu falta em Lucas Cândido e tomou o segundo cartão amarelo, deixando o Vitória com um homem a mais na partida. Apesar de inflamar as arquibancadas, o Leão seguiu sem conseguir criar e não soube aproveitar a vantagem numérica.

Por fim, os mandantes ainda apostaram em bolas levantadas na área e finalizações de fora, mas não conseguiram balançar as redes dos americanos e lamentaram bastante no apito final. O Vitória retorna aos gramados no próximo sábado (24), às 16h30 (de Brasília), contra o Operário, também no Barradão. Já o América-MG, recebe o lanterna Guarani, domingo (25), às 11h, no Independência.

Confiram os melhores momentos:




Escalações 


Vitória: Martín Rodríguez; Van, Everton Sena, Ramon e Chiquinho; Baraka, Lucas Cândido e Felipe Gedoz; Ruy (Jordy Caicedo), Thiaguinho (Marcelo) e Anselmo Ramon (Eron); Técnico: Claudio Amadeu 

América Mineiro: Jori; Leandro Silva, Paulão, Ricardo Silva e João Paulo; Zé Ricardo, Geovane (Willian Maranhão) e Juninho; Mateusinho (Diego Ferreira), Felipe Azevedo e Júnior Viçosa (Neto Berola); Técnico: Felipe Conceição

Ficha Técnica 
Local: Barradão, Salvador (BA) 
Data: 21 de agosto de 2019 
Horário: 19h15 (de Brasília) 
Árbitro: Rodrigo Batista Raposo (DF) 
Assistentes: Luciano Benevides de Sousa (DF) e Lucas Torquato Guerra (DF)

Nenhum comentário