ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Dois jogos movimentam a sexta-feira da Série B

Por: Marcelo Noia
Léo Ceará, artilheiro do CRB na Série B, é desfalque confirmado para o confronto contra o Guarani (Foto: Ailton Cruz/Gazeta de Alagoas)

Após os três jogos disputados no início da semana, CRB e Guarani se enfrentam no Rei Pelé, às 19h15 (de Brasília), além de Ponte Preta e Oeste, que duelam no Moisés Lucarelli, às 21h30 (de Brasília). As partidas serão válidas pela nona rodada da Série B e dão sequência aos primeiros jogos depois da pausa para a Copa América 

O confronto que acontecerá em Alagoas trará duas equipes que buscam se distanciar da zona de rebaixamento. Sem vencer há dois jogos na competição, o time alvirrubro, com 10 pontos, procura a segunda vitória na Série B, enquanto o clube alviverde, com apenas 5, almeja o segundo triunfo na competição, algo que encerraria uma sequência de cinco duelo sem resultados positivos.

Para o confronto, algumas curiosidades chamam atenção: ambas equipes sofreram gols em seis dos oito jogos já disputados e o que diferente os clubes é o quesito oposto. Se de um lado, os alagoanos balançaram as redes em seis das oito partidas da competição, os bugrinos só marcaram gols em dois dos oito confrontos. Além disso, o CRB venceu apenas um duelo como mandante e o Guarani ainda não triunfou como visitante.

Rafael Longuine foi um dos principais nomes da Ponte Preta, nesse início de Série B (Foto: Álvaro Jr./ PontePress)

Já no outro encontro do dia, Ponte Preta e Oeste miram objetivos distintos: os alvinegros visam o retorno para o G4 e os rubro-negros buscam subir de colocação para ficar entre os 10 melhores. Atualmente com 15 pontos, os ponte-pretanos podem dormir na vice-liderança, se fizerem o dever de casa ou podem ingressas no G4, caso empatem. Pelo outro lado, com 11 pontos, o Rubrão pode chegar aos 14 pontos e colar no adversário dessa rodada, caso vença.

Invicta há sete jogos na Série B, a Macaca chegou a parada da Copa América com quatro triunfos nas últimas cinco partidas disputados e com uma grande produção ofensiva. Nessa sequência, os comandados de Jorginho haviam marcado 11 tentos e sofrido apenas quatro. 

De forma similar, a equipe treinada por Renan Freitas encara a partida com uma sequência de três duelos sem derrotas. Foram dois empates sem gols e um grande triunfo sobre o Vitória, por 3x0. 

Além desses pontos, o encontro colocará frente-a-frente duas equipes com produções totalmente extremas: enquanto os alvinegros possuem o terceiro melhor ataque da competição, 12 gols, os rubro-negros detêm a segunda melhor defesa da Série B, com somente três tentos sofridos.

A nona rodada da Série B será finalizada amanhã, com mais cinco duelos: América-MG x Figueirense, Atlético-GO x Vila Nova, Botafogo-SP x Brasil de Pelotas, Paraná x Bragantino e por fim, Operário-PR x Londrina. 

Nenhum comentário