ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Com novidades na escalação e só um resultado podendo eliminar a Seleção, o Brasil encerra preparação para enfrentar o Peru

Por Aloysio Petitinga Neto 

Peruanos celebram gol que eliminou o Brasil na Copa América Centenário - Jornal do Comércio (https://www.jornaldocomercio.com/_conteudo/2016/06/esportes/504210-brasil-0-x-1-peru-e-mais-uma-eliminacao-melancolica-para-a-colecao.html)
Peruanos celebram gol que eliminou o Brasil na Copa América Centenário - Jornal do Comércio (https://www.jornaldocomercio.com/_conteudo/2016/06/esportes/504210-brasil-0-x-1-peru-e-mais-uma-eliminacao-melancolica-para-a-colecao.html)
Peruanos celebram gol que eliminou o Brasil na Copa América Centenário. Foto: Hector Retamal/AFP/JC

Um empate serve para o Brasil avançar de fase na Copa América 2019. E o técnico vai ter novidades na escalação, com Fernandinho machucado (entorse no joelho direito) e Gabriel Jesus recuperado do baque da Copa do Mundo, a Seleção Brasileira terá caras novas para a partida de logo mais: às 16h na Arena Corinthians. Já garantido em terceiro lugar no grupo, veja a única combinação que deixaria o Brasil de fora da próxima fase:

No Grupo A: Brasil perder para o Peru e a Venezuela deve ganhar da Bolívia para somar 5 pontos e deixar a seleção na terceira colocação com 4 pontos.

No Grupo B: o Paraguai precisa vencer da Colômbia para somar 5 pontos e alcançar a segunda colocação. Além disso, Argentina ou Catar precisam tirar 5 e 4 gols de diferença, respectivamente.

No Grupo C: há duas possibilidades, em ambas o Japão precisa tirar 7 gols de diferença para o Brasil. Na primeira o Uruguai perde para o Chile por apenas 1 gol de diferença e o Japão ganha do Equador tendo que tirar a diferença de 7 gols para o Brasil, com isso o Chile terminaria em 1 com 9 pontos, o Japão em segundo com 4 pontos (3 gols de saldo e 9 gols pro) e o Uruguai em terceiro com 4 pontos (3 gols de saldo e 7 gols pro). Na segunda, o Uruguai vence o Chile e o Japão vence o Equador com goleada para tirar a diferença de gols.

O técnico Tite vai escalar um time diferente do que disputou a última partida (0x0 contra a Venezuela) Gabriel Jesus deve ganhar a vaga de Richarlison no ataque da Seleção, além de uma possível entrada de Everton para compor o ataque na vaga de David Neres.

Provável escalação do Brasil: Alisson; Daniel Alves, Marquinhos, Thiago Silva e Filipe Luís; Casemiro e Arthur; Everton, Gabriel Jesus e Coutinho; Firmino.

Pendurados: Casemiro e Coutinho 

Provável escalação do Peru: Gallese; Advíncula, Araujo (Zambrano), Abram e Trauco; Tapia, Yotún, Polo e Farfán; Cueva e Guerrero.

Arbitragem: Fernando Rapallini (Argentina), auxiliado por Hernan Maidana (Argentina) e Eduardo Cardozo (Paraguai).

VAR: Andres Rojas, auxiliado por Nicolas Gallo e Wilmar Navarro (todos da Colômbia)


Nenhum comentário