ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Estaduais: Grandes jogos agitam as finais

Grandes jogos decidem os estaduais (Foto: Globoesporte.com)

Mais uma edição dos campeonatos estaduais chega a sua reta final e contempla vários clássicos nas decisões Brasil adentro. As finais estão marcadas para os dois próximos domingos, 14 e 21 de abril (exceto o Mineiro que acontecerá nos dias 14 e 20, o Gre-Nal que será disputado na quarta, dia 16 e o potiguar nas próximas quartas, 17 e 24). Confira a seguir os clássicos decisivos:

  • Bahia (Bahia x Bahia de Feira)
Bahia, na teoria amplo favorito, vai em busca do seu 48º título, enquanto o seu xará do interior, Bahia de Feira busca o seu segundo título na história. Na primeira fase, o Esquadrão fez uma campanha abaixo das expectativas criadas pelo seu torcedor e diante das contratações realizadas no início da temporada. Em 9 jogos, venceu apenas 4, empatou 3 e perdeu 2, alcançando 15 pontos e somente a terceira colocação. Enquanto o Bahia "genérico", realizou a melhor campanha na primeira fase, com 4 vitórias, 4 empates e somente 1 derrota, totalizando 16 pontos.

Já nas semifinais, o Bahia enfrentou o Atlético de Alagoinhas e venceu os dois confrontos, por 3x0 e 2x0. E o Bahia de Feira enfrentou o Vitória da Conquista e empatou o jogo de ida em 1x1 e venceu o segundo confronto por 2x1. Somados estes resultados aos pontos da primeira fase, o Bahia conquistou a melhor campanha na classificação geral, o que permitirá ao Esquadrão decidir o título na Arena Fonte Nova.

O Tricolor de Aço visa amenizar o peso das eliminações na Copa Sul-americana e do Nordeste e fazer "valer" o primeiro semestre, ao conquistar o título estadual.

  • São Paulo (São Paulo x Corinthians)
tricolor paulista, que foi eliminado na fase preliminar da Libertadores, após 16 anos está novamente em uma final do campeonato estadual e vai em busca do seu 22º título. O último foi conquistado no ano de 2005, quando derrotou o Corinthians, mesmo adversário deste ano. Já o alvinegro, que está vivo na Sul-americana e Copa do Brasil, maior e atual campeão estadual, busca o bicampeonato e o seu 30º título na história.

Na primeira fase, o São Paulo conquistou somente a última vaga para a fase decisiva, em 12 jogos, venceu 4, empatou 3 e perdeu outros 5, conquistando somente 15 pontos. Já o Corinthians teve a quarta melhor campanha, em 12 jogos, venceu 6, empatou 3 e perdeu 3, somando 21 pontos.


  • Rio de Janeiro (Flamengo x Vasco)
campeonato carioca é dividido em dois turnos. Na Taça Guanabara, equivalente ao primeiro turno, o Vasco teve a melhor campanha da primeira fase. Em 5 jogos foram 5 vitórias, totalizando 15 pontos, enquanto o Flamengo a segunda melhor campanha, e, 5 jogos foram 4 vitórias e 1 empate. Nas semifinaisenfrentaram Resende e Fluminense, respectivamente. O cruzmaltino venceu por 3x0, enquanto o Flamengo perdeu por 1x0. A final do primeiro turno foi decidida entre Vasco x Fluminense, na qual o Gigante da Colina, como é conhecido o Vasco, foi campeão ao vencer por 1x0.

Já na Taça Rio, equivalente ao segundo turno da competição, Fluminense e Bangu fizeram as melhores campanhas, conquistando 11 e 15 pontos, respectivamente. Com isso, carimbaram suas vagas para a semifinal. As outras vagas foram de Vasco e Flamengo, que fizeram 8 e 14 pontos, respectivamente. A final do segundo turno, porém, foi decidida entre Vasco e Flamengo, sendo vencida pelo rubro-negro nos pênaltis.

Por vencerem cada clube, um dos turnos, Vasco e Flamengo decidirão o título do campeonato estadual. O Vasco vai em busca do seu 25º título, tendo conquistado-o pela última vez em 2016. Enquanto o rubro-negro busca o seu 35º título, o último foi conquistado no ano de 2017. Vale ressaltar que, o Botafogo, atual campeão estadual, não classificou-se para nenhuma das fases finais.

  • Minas Gerais (Atlético Mineiro x Cruzeiro)
Galo, assim como o Bahia, tenta "salvar" o primeiro semestre, levando em consideração que o clube está praticamente eliminado da Copa Libertadores, onde em 4 jogos, venceu apenas um e perdeu os outros disputados. Enquanto o Cruzeiro busca a consolidação na temporada que beira a perfeição, onde na Libertadores o clube está com 100% de aproveitamento, em 4 jogos, venceu todos e possui a melhor campanha geral da competição.

Falando do campeonato estadual, o Atlético Mineiro conquistou a melhor campanha na primeira fase, em 11 jogos venceu 9, empatou um e perdeu outro, somando 28 pontos. E o Cruzeiro passou de forma invicta pela primeira fase, porém apenas na segunda colocação onde em 11 jogos, venceu 7 e empatou outros 4, somando 25 pontos. Para chegar à final, o Atlético passou com facilidade por Tupynambás e Boa Esporte, nas quartas e semifinal por 3x1 e 5x0, respectivamente. Já o Cruzeiro por Patrocinense e América Mineiro, também sem muita dificuldade, por 5x0 e 6x2, respectivamente.

Maior campeão estadual, o Galo vai em busca do seu 45º título, tendo conquistado-o pela última vez em 2017. O Cruzeiro, atual campeão, busca o seu 38º título.

  • Rio Grande do Sul (Grêmio x Internacional)
O Imortal Tricolor, como é conhecido o Grêmio, busca dar um ânimo à este início de temporada na qual a equipe não começou da melhor forma a fase de grupos da Copa Libertadores. Pelo Gauchão, a equipe teve a melhor campanha da primeira fase, a qual passou de forma invicta com 9 vitórias e 2 empates, alcançando assim 29 pontos.

Enquanto o Internacional, líder do seu grupo na atual edição da Libertadores, obteve a segunda melhor campanha com 7 vitórias, 1 empate e 3 derrotas, totalizando 22 pontos. Para chegar à final, o Grêmio passou por Juventude e São Luiz pelos placares de 6x0 e 3x0 nas quartas e semifinal, respectivamente. Enquanto o Internacional passou por Novo Hamburgo e Caxias aplicando 2x1 e 4x1 nas quartas e semifinal, respectivamente.

O Internacional é o maior campeão estadual e nesta temporada vai em busca do seu 46º título, enquanto o seu rival Grêmio, busca o seu 38º título estadual.

  • Pernambuco (Náutico x Sport)
O Sport, que disputará a segunda divisão do Campeonato Brasileiro nesta temporada, obteve a melhor campanha na primeira fase do estadual com 7 vitórias e 2 derrotas, totalizando 21 pontos. Enquanto o Timbú, como é conhecido o Náutico e que disputará a terceira divisão nacional, vem logo atrás com a segunda melhor campanha, onde obteve 6 vitórias, 1 empate e 2 derrotas, totalizando 19 pontos.

Para chegar à final, o Sport venceu Petrolina e Salgueiro por 4x0 e 3x1, pelas quartas e semifinal, respectivamente. Já o Náutico, saiu vitorioso frente ao Vitória das Tabocas e Afogados por 3x0 e 2x0, pelas mesmas fases, respectivamente.

O Leão de Recife, maior campeão estadual, vai em busca do seu 42º título. Enquanto o Náutico, terceiro maior campeão, atrás do Sport e Santa Cruz, tenta conquistar o seu 23º título do campeonato pernambucano. 


  • Rio Grande do Norte (ABC x América de Natal)
No primeiro turno do campeonato potiguar, denominado como Copa Cidade do Natal, ABC e América de Natal fizeram uma campanha rigorosamente idêntica, com 4 vitórias, 1 empate e 2 derrotas, totalizando 13 pontos. Desta forma, ambas as equipes decidiram em partida única o campeão do primeiro turno. O ABC saiu vitorioso, conquistando o primeiro turno e classificando-se para a final do campeonato potiguar.

Já no segundo turno, conhecido como Copa Rio Grande do Norte, uma surpresa do interior desbancou os times da capital. Trata-se do Potiguar de Mossoró, que fez a melhor campanha com 5 vitórias, 1 empate e 1 derrota, totalizando 16 pontos. O América de Natal vem logo atrás com 5 vitórias e 2 derrotas, totalizando 15 pontos. Tais campanhas levaram as equipes a decidirem o segundo turno. O América de Natal venceu por 2x0, classificando-se para a final do campeonato potiguar, contra o ABC, vencedor do primeiro turno.

O ABC, maior campeão estadual entre todos os estaduais do Brasil, vai em busca do seu 56º título, enquanto o América tenta a conquista do seu 36º título estadual


  • Ceará (Fortaleza x Ceará)
O Vozão, como é conhecido o Ceará e que é comandado por Lisca Doido, teve a melhor campanha na fase de grupos, conquistando 4 vitórias e 3 empates, 15 pontos no total. Já o Leão do Pici, alcunha do Fortaleza comandado pelo ex-goleiro Rogério Ceni, obteve a segunda melhor campanha, com 3 vitórias, 2 empates e 2 derrotas, 11 pontos no total.

Tais campanhas credenciaram as equipes à semifinal, onde o Ceará enfrentou e venceu o Floresta por 5x2, enquanto o Fortaleza passou pelo Guarany de Sobral por 2x0, chegando à final.

O Ceará, maior campeão cearense vai em busca do seu 46º título, enquanto o Fortaleza tenta a conquista do 42º título da sua história.


  • Goiás (Atlético x Goiás)
O Esmeraldino, como é conhecido o Goiás realizou a melhor campanha na primeira fase, conquistando 40 pontos, com 13 vitórias, 1 empate e 2 derrotas. Enquanto o rubro-negro Atlético, vem logo atrás com 38 pontos, 12 vitórias, 2 empates e 2 derrotas. 

Na segunda fase, o Atlético para chegar à final enfrentou Anapolina e Vila Nova e venceu por 7x1 e 2x1, respectivamente. Já o Goiás passou por Aparecidense e Goiânia, pelos placares de 4x3 e 6x1, respectivamente.

O Goiás, maior campeão estadual, vai em busca do 29º título, já o seu rival, Atlético tenta conquistar somente o seu 14º título


  • Alagoas (CRB x CSA)
O alvirrubro, CRB, atualmente na segunda divisão nacional, realizou a melhor campanha da primeira fase, com 5 vitórias, 1 empate e 1 derrota, totalizando 16 pontos. Enquanto o seu maior rival, CSA que nesta temporada vai disputar a elite do futebol brasileiro, obteve a segunda melhor campanha com 4 vitórias, 2 empates e 1 derrota, 14 pontos no total.

Na semifinal, o CRB enfrentou Jacyobá e aplicou 5x2, enquanto o CSA goleou o Coruripe por 7x3

O CSA, maior e atual campeão alagoano, busca o seu 39º título, já o CRB visa o seu 31º título.

Nenhum comentário