ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Rockets vencem quarta seguida em noite de recordes de Harden e Paul

James Harden tenta infiltração sendo marcado por Justise Winslow e Bam Adebayo, do Miami Heat. O ala-armador dos Rockets terminou a partida com incríveis 58 pontos. (Foto: Getty Images).

Ontem (28/2), o Houston Rockets recebeu o Miami Heat no Texas e venceu por 121 a 118, após uma bela virada de placar no último quarto. Foi a quarta vitória seguida da equipe texana. Pelo lado derrotado, Kelly Olynk e Goran Dragic foram os maiores pontuadores com 21 pontos cada.

Porém, o maior destaque da noite foi para mais uma atuação memorável do atual MVP da liga, James Harden. O Barba fez 58 pontos, deu 10 assistências e pegou 7 rebotes. Essa foi a sexta vez na temporada e décima quinta na carreira que Harden fez 50 pontos ou mais em um jogo. É a maior quantidade de jogos com 50 pontos ou mais que um jogador faz numa temporada desde 2006-07, quando Kobe Bryant atingiu a marca em 10 partidas.

Com a pontuação, Harden também se tornou, isoladamente, o quinto jogador com mais jogos de 50 pontos na história da NBA. E, entre os atletas que ainda estão em atividade, ele lidera. Esses são os atletas com mais jogos de 50 pontos ou mais na história da NBA (jogadores com asterisco ao lado ainda estão em atividade):

1 - Wilt Chamberlain (118)
2 - Michael Jordan (31)
3 - Kobe Bryant (25)
4 - Elgin Baylor (17)
5 - James Harden (15)*
6 - Rick Barry (14)
7 - LeBron James (12)*
8 - Allen Iverson (11)
9 - Kareem Abdul-Jabbar (10)
10 - Bernard King (8)

A pontuação de Harden no jogo também foi a terceira maior da história do Houston Rockets. O detalhe curioso é que as duas primeiras também são do Barba (61 e 60 pontos). E, das dez maiores pontuações da história da franquia, apenas uma não é dele (57, do Calvin Murphy).

P.J. Tucker, do Houston Rockets, tenta arremesso sendo marcado por Josh Richardson, do Miami Heat. (Foto: Getty Images).

Os recordes não param por aí. A marca de 58 pontos marcados ontem foi a maior pontuação que um jogador já conseguiu jogando contra o Miami Heat na história da NBA. O recorde anterior pertencia a Willie Burton, que fez 53 pontos contra o Heat em 1994. Harden é o principal candidato ao prêmio de MVP da temporada regular da NBA, com médias de 36.6 pontos, 7.7 assistências, 6.6 rebotes e 2.2 roubos de bola por jogo na atual temporada da liga. Caso vença, o Barba seria o décimo segundo jogador na história a conquistar o prêmio em duas temporadas consecutivas.

Mas é claro que Harden teve ajuda na vitória dos Rockets ontem. Austin Rivers fez 17 pontos, enquanto Gary Clark e Chris Paul contribuíram com 14 pontos cada. Porém, a grande conquista de Paul na noite foi um roubo de bola. Com sua única bola roubada na partida, ele atingiu a marca de 2.086 roubos na carreira, deixando pra trás Karl Malone (2.085) e se tornando o décimo maior ladrão de bolas da história da NBA. Confira abaixo os dez maiores roubadores de bola da história da liga:

1 - John Stockton (3.265)
2 - Jason Kidd (2.684)
3 - Michael Jordan (2.514)
4 - Gary Payton (2.445)
5 - Murice Cheeks (2.310)
6 - Scottie Pippen (2.307)
7 - Clyde Drexler (2.207)
8 - Hakeem Olajuwon (2.162)
9 - Alvin Robertson (2.112)
10 - Chris Paul (2.086)


Dwyane Wade (esquerda) e Chris Paul (direita) trocaram camisas no final da partida. Essa é a última temporada de Wade na NBA. (Foto: Getty Images).

O próximo jogo do Houston Rockets, quinto lugar na conferência Oeste, é no domingo (3), contra os Celtics, em Boston.

Nenhum comentário