ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Teremos VAR

Árbitro de vídeo em ação na Copa do Brasil 2018 (Foto: Gazeta do Povo)

Na tarde desta sexta, 22, em reunião no Conselho Técnico da Série A do Campeonato Brasileiro, onde foi apresentada uma série de propostas por parte da CBF, os clubes aprovaram por unanimidade o uso da tecnologia do árbitro de vídeo na edição deste ano. A proposta feita pela CBF é de que a mesma arcará com os custos de tecnologia e infraestrutura, enquanto os clubes ficarão responsáveis pelas despesas dos árbitros que utilizarão o equipamento. O custo estimado para cada clube será de 350 mil reais, para contar com o árbitro de vídeo nos 19 jogos em que for mandante.

O árbitro de vídeo (VAR), chegou a ser cogitado no Brasileirão do ano passado, mas foi vetado pelos clubes em votação, tendo 12 votos contra e somente 7 a favor. Na época, a proposta da CBF foi do custo ser integralmente de responsabilidade dos clubes.

Mais novidades

Na mesma reunião, os clubes aprovaram o limite de 40 jogadores inscritos na competição com as ressalvas de poderem inscrever jogadores sub-20, além deste limite e que sejam possíveis até 5 trocas de inscrições de jogadores durante a competição.

Outra novidade será a disputa da Supercopa do Brasil, onde o campeão do Brasileirão e o campeão da Copa do Brasil da temporada anterior se enfrentarão em jogo único, que tende a abrir a temporada de futebol no país.

Negado

Embora tenham sido aprovadas algumas novidades, outra foi negada: O limite de trocas de treinador durante a competição. A CBF propôs que fosse possível realizar apenas uma troca no decorrer do Brasileirão, por time.

Nenhum comentário