ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Empate tricolor

(Foto: torcedores.com)

Pela 4ª rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste, o Bahia foi até o Ceará enfrentar a equipe do Fortaleza e ficou no empate.

A equipe cearense começou a partida indo pra cima e logo aos 4 minutos teve uma grande oportunidade. Após chute de Júnior Santos, Douglas fez uma grande defesa. A bola sobrou para Ederson que finalizou para fora. A jogada "acordou" a torcida que incentivou o time ao ataque.

Os cinco primeiros minutos foram do time da casa. O Fortaleza teve 76,8% de posse de bola contra 23,2% do Bahia. Porém, nos 20 minutos seguintes, o tricolor baiano conseguiu ter mais a posse da bola chegando a ter 77,5% contra apenas 22,5% do Fortaleza. Porém, essa bola não estava sendo de forma efetiva. O jogo se desenvolvia mais no meio campo (foi assim na maior parte da partida, por ambas as equipes).

A equipe da casa saiu na frente, aos 42 minutos da primeira etapa, após o goleiro Douglas sair mal do gol para tentar dominar a bola em um contra ataque bem armado do Fortaleza que pegou a zaga do Bahia desprevenida e deixá-la livre para Júnior Santos empurrar para o fundo das redes com o gol completamente aberto. Este foi o placar da primeira etapa.

Para a segunda etapa, Enderson sacou Shaylon e colocou Élber em seu lugar. Aos 15 minutos, Gregore lança Gilberto que faz o pivô para Ramires que entra pela direita e chuta no canto esquerdo do goleiro Marcelo Boeck, empatando o jogo para o tricolor. Com o gol, o Bahia encheu-se de moral, continuou indo para cima e apenas dois minutos depois chegou à virada em uma bela jogada do atacante GilbertoMoisés cobrou lateral para Gilberto, o atacante se livrou de dois marcadores e chutou cruzado rasteiro na saída do goleiro cearense.

A esta altura, o Bahia jogava com uma linha de três zagueiros, com Nino fazendo a função de defensor junto com Jackson e Lucas Fonseca. Pela lateral esquerda, Moisés se transformou em um ponta ofensivo ajudando Shaylon nas jogadas por aquele setor. Mas, apesar disso, o tricolor concentrava as suas jogadas pelo lado direito com a presença de Ramires e Artur.

Após sofrer a virada, o Fortaleza tentou partir para cima. A equipe fez substituições com o intuito de buscar um resultado melhor. Já o Bahia, tentou manter o resultado e, se possível, ampliá-lo. Enderson Moreira fez as seguintes substituições: Flávio no lugar de Gregore (machucado) e Nílton no lugar de Artur.

O tricolor baiano passou então, a jogar com uma linha de quatro defensores, cinco meio campistas e somente Gilberto no ataque. Esta postura atraiu o Fortaleza para o ataque que foi premiado com o gol de empate, aos 44 minutos, marcado pelo zagueiro Quintero que, curiosamente, havia saído para receber atendimento médico no momento em que o Bahia marcou os seus gols.

Destaques
Pelo lado do Bahia, apesar do empate, alguns jogadores fizeram uma partida interessante. O goleiro Douglas que defendeu algumas tentativas que poderiam resultar na derrota tricolor; os meia atacantes Ramires e Artur que vêm se entrosando e trocaram bons passes pelo lado direito do ataque tricolor; e o atacante Gilberto que, mais uma vez, aproveitou a oportunidade e marcou o seu gol, além de dar uma assistência.

Com o empate, o Bahia ficou na 5ª colocação, fora da zona de classificação para a fase decisiva, com 6 pontos e a um ponto do Confiança, primeira equipe do G-4.

O próximo jogo do tricolor pela Copa do Nordeste será contra o Altos do Piauí, fora de casa, no dia 2 de março. Porém, antes a equipe entra em campo pelo Campeonato Baiano para enfrentar a Jacuipense, em partida válida pela 7ª rodada, no próximo dia 27, às 21h30. O Bahia é, momentaneamente, o terceiro colocado no Campeonato Baiano com 11 pontos. Se vencer e a depender dos resultados da rodada, pode se tornar líder da competição.

Nenhum comentário